Comparativo entre Sketchup e Ecotect no que se refere à análise de sombras

Observa-se que poucos professores da área de conforto bioclimático recomendam o Sketchup para análises de traçado de sombra, penetração do sol pelas aberturas, ou até mesmo o dimensionamento de dispositivos de proteção solar. Isto ocorre, provavelmente, por desconhecerem que o sketchup trabalha tão bem com estes tópicos quanto programas desenvolvidos especificamente para estes fins, como por exemplo, o Ecotect. O objetivo deste pequeno artigo é fazer uma análise comparativa entre estes dois programas e averiguar o quanto o cálculo de sombra do Sketchup é preciso em relação ao Ecotect.

Metodologia

Para fazer esta comparação, elaborou-se um modelo simples, que consiste em uma torre com base quadrada de 50 cm e altura de 5 m. Ao redor desta distribuiu-se uma malha de 1 m x 1 m. Este objeto foi situado, a título de exemplo, na cidade de Belo Horizonte, no estado de Minas Gerais. Suas coordenadas de latitude e longitude são respectivamente: -19.816944 e -43.955833. Fuso horário UTC -3.

Modelo usado no Sketchup
Modelo usado no Sketchup

Foram feitas simulações em dois horários do dia, as 8 e as 16 horas, em quatro datas referentes aproximadamente aos equinócios e solstícios. São elas: 20 de março; 21 de junho; 22 de setembro; 21 de dezembro. É importante ressaltar que o sketchup permite determinar também o ano da simulação, ao contrário do Ecotect. No caso usou-se o ano de 2016 como referência.

No que se refere aos programas, utilizou-se da versão 2016 do Sketchp Make e a versão de avaliação 5.20 do Ecotect.

Resultados

Com base nos critérios estabelecidos acima, foram obtidos os seguintes resultados.

Para termos uma melhor percepção sobre as diferenças nas simulações, estabeleceu-se também uma comparação usando o tamanho da sombra como referência. Na tabela abaixo as medidas das colunas Sketchup e Ecotect estão em milímetros.

Data Sketchup Ecotect Variação (%)
20/03 08:00 9698,0 9545,4 1,60
20/03 16:00 9138,0 9037,9 1,11
21/06 08:00 15668,0 15503,6 1,06
21/06 16:00 16522,0 16719,0 -1,18
22/09 08:00 8420,0 8465,9 -0,54
22/09 16:00 10535,0 10689,8 -1,45
21/12 08:00 6925,0 6873,5 0,75
21/12 16:00 7637,0 7700,4 -0,82

Como pode ser observado, a diferença máxima entre as duas simulações não passou de 1,6%. É de se notar também que as variações foram positivas e negativas, ou seja, houve uma alternância no comprimento das sombras, hora as do Sketchup eram maiores, hora as do Ecotect. Considerando estes valores, temos uma variação média de 0,06%.

Deve-se levar em conta também o fato do Ecotect não permitir a definição do ano de simulação, o que provavelmente também influenciou estas diferenças.

Conclusão

Como pode ser notado no experimento, os resultados do cálculo de sombra do sketchup são bem próximos do Ecotect, e portanto pode-se afirmar que o Sketchup é um programa preciso o suficiente para desenvolver análises de sombreamento, seja para determinar quanto o sol entra em um ambiente ou dimensionar proteções, como marquises e brises.

Por sua simplicidade e modo intuitivo de uso, os professores deveria incentivar mais seu uso para este tipo de propósito, uma vez que o mesmo já é usado nas fases iniciais de estudo de projeto.

Referências:
Casting Real-World Shadows
Creating Real World Shadows

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s